As dificuldades intransponíveis para se conseguir ingresso para jogos do Cruzeiro em Sete Lagoas, via internet

14/09/21 - 09:25

Chico Maia

Prezados e prezadas do blog, repasso na íntegra, e-mail que recebi do Raul Otávio da Silva Pereira, amigo de longa data, ex-presidente do Sindicato dos Engenheiros de Minas Gerais – SENGE-MG. Cruzeirense, itabirano que reside há anos em Sete Lagoas. O problema dele, neste caso, é o de milhares de outras pessoas, não só cruzeirenses e não só consumidores do futebol e seus produtos:

“Chico;

Tem algo estranho acontecendo na venda de ingressos para os jogos do Cruzeiro em Sete Lagoas.

Como não sou sócio torcedor, na semana passada esperei o meu dia – quarta-feira. Simplesmente não consegui. Veja abaixo o email que enviei para as “autoridades competentes” após longa conversa com a gentil, educada e paciente srta. Tainá:

———- Forwarded message ———
De: Raul Otávio Pereira <raulsetelagoas@gmail.com>
Date: qui., 9 de set. de 2021 às 13:39
Subject: Reclamação indignada
To: <atendimento@cruzeiro.com.br>
Cc: <presidente@cruzeiro.com.br>, <socio5estrelas@cruzeiro.com.br>

Prezado sr. responsável pelo email atendimento@cruzeiro.com.br;

Estou enviando cópia dessa mensagem para a srta. Tainá, que me atendeu excelentemente no número 3348-5500 e também para o email presidente@cruzeiro.com.br ( endereço eletrônico que eu nem sei se existe, estou tentando a sorte).

Da mesma forma, para um conselheiro do Cruzeiro. Este último será enviado, por motivos óbvios, em cópia oculta.

Serei breve.

– Já fui sócio 5 estrelas há dez (mais ou menos) anos. Não sou mais. Não entendo porquê até hoje não apagaram meus dados antigos.

– Como outros milhões de pessoas, tenho muita vontade de ver o clube jogando novamente. Ainda mais sendo em Sete Lagoas, onde resido. Todo apoio é necessário nesse momento difícil;  não só como torcedor vibrando nas arquibancadas  mas também financeiramente, através da aquisição de ingressos  – mesmo que seja pouco, é o que se pode fazer nesse momento.

– Acessei o site ingresso.com.br para fazer a compra. Me pediram um cadastro – não entendi para quê, uma vez que faria o pagamento em cartão de crédito/débito/boleto/pix, ou seja lá o que fosse. Mas tudo bem, comecei a fazer o tal cadastro.

– Qual foi minha surpresa ao verificar que o tal cadastro não aceitou o CEP da rua onde moro, aqui em Sete Lagoas. Como tenho uma outra residência em Belo Horizonte, tentei o CEP de lá. Mesma coisa – mensagem “não identificamos sua rua”, ou coisa parecida.

– Liguei para o telefone descrito no site, e a srta. Tainá ficou quase uma hora tentando resolver o assunto comigo. Não conseguiu. O “sistema” não conseguiu destravar esse minúsculo problema. Resultado, estou sem ingresso para o jogo de sábado aqui em Sete Lagoas. Acredito que isso deva estar acontecendo com milhares de outras pessoas.

Não é a primeira vez que isso acontece comigo. Já tentei, em passado recente, fazer outras compras (e até mesmo contribuir com o clube nas campanhas de arrecadação) e simplesmente não consegui – o tal “cadastro” barra tudo.

Perguntas:

1 – por acaso o programador/responsável pelo site é atleticano e está jogando “contra o patrimônio” ? Até hoje não identificou essas falhas que acredito serem simples e conseguiu resolvê-las ? Ou identificou e fez de conta que não viu ?

2 – o presidente e o diretor financeiro, bem como o diretor de marketing, tem conhecimento de que esse site do Cruzeiro é simplesmente uma b……………. ?

3 – como farei para ir ao jogo de sábado aqui em Sete Lagoas, se não consigo nem comprar o ingresso ?

Aguardo uma solução, se possível antes do jogo de sábado.

Despeço-me mas não sem antes agradecer à funcionária Tainá, que dentro daquilo que foi possível a ela, tentou resolver esse meu problema – cá entre nós, que nunca deveria ser um problema.

Saudações celestes (menos para o programador “infiltrado”) !

Raul Otávio da Silva Pereira

Pois bem, não consegui entrar no jogo. Tentei achar um cambista no sábado mas não havia.

Hoje, na segunda, já entrei no site novamente – e veja a mensagem no print abaixo:

Não sei o que está acontecendo. A impressão que fica é que o Cruzeiro “reservou” ingressos para as torcidas organizadas de Belo Horizonte, e nos deixou (habitantes de Sete Lagoas) a ver navios.

Muito estranho, esquisito, chato e decepcionante. Sete Lagoas estaria sendo usada pelo clube, que privilegia as torcidas organizadas em detrimento de nós ?

Abraços;

Raul”

Veja mais em http://blog.chicomaia.com.br/

Veja Mais