Avô e neto

24/07/21 - 09:00

 Lucas e o avô Vander Marques
Lucas e o avô Vander Marques

Élida Gontijo

O escritor não precisa sair em busca de material para sua escrita, o mesmo chega até ele por acaso. Isso sempre acontece comigo, muitas vezes pensando em que escrever pra minha coluna no jornal, inesperadamente chega a fonte de inspiração. Esta semana recebi estas fotos que ilustram este texto, fiquei encantada com a beleza e representatividade delas. Em cada uma pude decifrar a beleza, pureza, encantamento, amor entre avô e neto.

Nos olhos do neto o brilho da curiosidade, o encantamento com todos os conhecimentos que o avô experiente lhe apresenta. O avô por sua vez, pacientemente vai ensinando ao neto todos os detalhes do cuidado com a natureza, preservação daquilo que é dele, nosso e que muitas vezes deixamos sem os cuidados necessários. Tirar pregos das árvores com todo cuidado é como curar feridas em um paciente. Aprender a segurar um serrote é mais emocionante que qualquer aventura em um parque de diversões.

imagem

Quanta beleza e brilho nos olhos desse avô e de seu neto, a experiência dos anos vividos e a inocência da descoberta se cruzam e geram o mais puro amor. Jogar comida para as galinhas para não se perder, lembra grandes histórias infantis, marcantes em nossa infância. Chupar cana até doer o maxilar, o doce maior é a doação do avô que planta, colhe , descasca e entrega ao neto para sentir o sabor da vida, do amor, da parceria. 

O tempo flui tranquilo, não precisa relógio, esquece a pandemia, ali reina a saúde, o ar puro, sol , natureza, alegria, aprendizado. Assim como São Joaquim , avô de Jesus, esse avô vai ensinando e aprendendo com o neto que tem nome de santo: Lucas. 

Como fiquei feliz por receber tão lindo material para a escrita do meu texto, vindo de uma avó, minha amiga, mãe de lindas filhas que foram minhas alunas e agora me proporcionando a chance de passar para  o papel , o lindo relacionamento entre avô e neto. Assim que as fotos chegaram ao meu celular, o Espírito Santo soprou palavras aos meus ouvidos: Vá lá, escreve ! Mostra para as pessoas a beleza do amor da família, do avô e neto. As vésperas do dia dos avós, recebo esse lindo presente! As palavras escorrem doces pelo papel, sinto o sabor da cana, faço força junto com o Lucas para segurar o serrote, escuto as galinhas cantando , emociono ao ver que o amor vive nas pequenas coisas. 

imagem

Gratidão Maria da Conceição Sant’Ana, por fornecer tão lindas fotos, tiradas pela Luísa sua filha,  agradeço imensamente a esse avô: Vander Marques Freitas , aos pais do Lucas: Fernanda Sant’Ana Marques Freitas e Felipe Frutuoso a oportunidade  de escrever sobre o amor que reina nessa família. Desejo através desse texto um feliz dia dos avós e que saibamos valorizar as nossas origens, nossos ancestrais. 

Élida Gontijo-julho de 2021.

imagem