COLUNA EVANGÉLICA

31/07/22 - 08:00

Fátima Massula Dutra
Fátima Massula Dutra

Boas Novas – A Ressurreição de Jesus

“Desde esse tempo, começou Jesus Cristo a mostrar a seus discípulos que lhe era necessário seguir para Jerusalém e sofrer muitas coisas dos anciãos, dos principais sacerdotes e dos escribas, ser morto e ressuscitado no terceiro dia.” (Mateus 16:21).
No domingo, Maria Madalena foi bem cedo ao sepulcro de Jesus e viu que a pedra que tampava a entrada estava revolvida. Ela informou a Pedro e João sobre o acontecido. Os dois discípulos  correram até o lugar para conferir e viram os lençóis (João 20:1-9). O próprio Senhor os advertira de que seria morto e ressuscitaria ao terceiro dia (Mateus 16:21). Esse fato é mencionado em todos os evangelhos, mas somente nesse ponto eles começaram a entender o que o Senhor havia dito.
Há um trecho no Evangelho de João que revela a reação dos discípulos depois disso: “E voltaram os discípulos outra vez para casa”. A atitude deles deveria ser de vigilância, mas ficaram apenas satisfeitos com a notícia da ressurreição. A atitude de Maria foi diferente porque permaneceu junto ao túmulo, chorando. Ela viu anjos e, logo em seguida, viu Jesus. “Tendo dito isso, voltou-se para trás e viu Jesus em pé, mas não reconheceu que era Jesus. Perguntou-lhe Jesus: Mulher, por que choras? A quem procuras? Ela, supondo ser ele o jardineiro, respondeu: Senhor, se tu o tiraste, dize-me onde o puseste, e eu o levarei. Disse-lhe Jesus: Maria! Ela, voltando-se, lhe disse, em hebraico: Raboni (que quer dizer: Mestre)!” (João 20:14-16). Agora ela o reconheceu pela voz. 

Em seguida o Senhor disse algo maravilhoso: “Mas vai ter com os meus irmãos e dize-lhes: Subo para meu Pai e vosso Pai, para meu Deus e vosso Deus.” (João 20:17b). Agora o acesso ao Pai está livre! Ele pode ser nosso Pai! E nós e nosso Senhor Jesus podemos ser irmãos! Isso é maravilhoso! Esse passo foi de suma importância para a edificação da Igreja. Na morte, nossos pecados, nosso velho homem e tudo o mais que havia de negativo foi devidamente resolvido. Em ressurreição, Cristo liberou a vida de Deus que estava em Si para que, ao receber essa vida, nós nos tornássemos também filhos de Deus. Esses muitos filhos de Deus agora formam a igreja, a casa do Deus vivo, coluna e base da verdade. Jesus, nosso irmão mais velho, tornou-se Cabeça da igreja. Aleluia pela ressurreição do Senhor! Amém!