Parque da Canastra faz festa de 50 anos

21/03/22 - 14:36

Serra da Canastra. (Foto: ICMBio/Divulgação)
Serra da Canastra. (Foto: ICMBio/Divulgação)

O Parque Nacional da Serra da Canastra vai comemorar o Jubileu de Ouro – 50 anos – nos dias 2 e 3 de abril, com  palestras, apresentações musicais, atividades de observação de fauna e exposição de produtos regionais. Para Carlos Henrique Bernardes, chefe do parque, a unidade de conservação presta à sociedade valiosos serviços ecossistêmicos. Para ele, não fosse a sua criação, em 1972, e a proteção que esta proporcionou aos recursos naturais e à biodiversidade do cerrado na região da Serra da Canastra, muito provavelmente não teríamos mais as belezas naturais, nascentes cristalinas, cachoeiras, fauna e flora preservadas como se apresentam hoje. (Folha da Manhã – Passos)

Além Paraíba ganha novo fórum

O 12º novo fórum com obras executadas na atual gestão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) foi inaugurado na última sexta-feira, 18. Instalado na Comarca de Além Paraíba, o Fórum Nelson Hungria substitui o anterior, que foi construído nos anos 1950 e já não oferecia condições adequadas para atender ao jurisdicionado. A área ocupada pelo prédio do novo fórum tem 2.150 m² e conta com acessibilidade, amplo espaço para as secretarias, gabinetes dos magistrados, salas de administração, arquivo e Centro Judiciário de Solução de Conflito e Cidadania (Cejusc), além de estacionamento. (Além Parahyba – Além Paraíba)

Itanhomi proíbe animais soltos nas ruas

A Prefeitura de Itanhomi informou que irá recolher animais soltos nas vias públicas. O proprietário será notificado para retirada do animal mediante multa específica para cada porte. O prazo para os donos recolherem os animais será de sete dias. De acordo com a Lei 1.758, de 16 de outubro de 2017, fica proibido a permanência de todo e qualquer animal de pequeno, médio e grande porte, solto em ruas, logradouros, praças, estradas ou locais de livre acesso à população de Itanhomi. (Diário do Rio Doce – Governador Valadares)

JF tem mais de 280 desaparecidos}
Desde 2018, Juiz de Fora tem, em média, 287 registros de pessoas dadas como desaparecidas anualmente. Os números foram passados à reportagem pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp-MG) e coletados pela pasta por meio do Observatório de Segurança Pública. No total, foram 1.149 casos contabilizados ao longo dos últimos quatro anos via Registro de Eventos de Defesa Social (Reds), o que confere uma média de 23 desaparecimentos por mês em território juiz-forano. À Tribuna, uma especialista da Polícia Civil de Minas Gerais analisou os dados e orientou sobre os procedimentos necessários em ocorrências do tipo. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

Sabará estuda piso dos professores
A Prefeitura de Sabará, cumprindo a legislação em vigor, está concluindo os procedimentos para aplicação do Piso Salarial Profissional Nacional para os Profissionais do Magistério Público da Educação Básica no município, demonstrando, assim, o compromisso com os trabalhadores. Após os debates acerca do tema, a administração pública fará a complementação dos salários da categoria ainda neste mês. A municipalidade, em reunião com a Comissão de Educação da Câmara de Sabará, enviará na próxima semana projeto de lei da matéria para votação. (Folha de Sabará – Sabará)

Moc é a 66ª melhor  para empreender
Sexta maior cidade de Minas Gerais e 60ª maior do Brasil, Montes Claros é agora a 66ª melhor cidade para se empreender no País. É o que revela o Índice de Cidades Empreendedoras (ICE), estudo criado pela Endeavor e, nesta edição, produzido pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap). A capital simbólica do Norte de Minas ganhou uma posição em relação à edição de 2020. No ranking estadual, Montes Claros também ganhou uma posição, passando a ocupar o 5º lugar, superando Betim, que era a terceira colocada no Estado e 48ª no País e caiu para sexta posição em Minas e para a 71ª colocação no ranking nacional. (Jornal de Notícias – Montes Claros)

Hospital inaugura novas instalações
Um marco para o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora (HNSA). No último final de sema foram inauguradas as novas instalações, unificando os dois prédios. O prédio da antiga maternidade foi reformado, para abrigar ainda o pronto socorro, que será transferido para o local e o terceiro andar já equipado para receber os pacientes de toda a microrregião. A cerimônia de inauguração contou com a participação de autoridades e profissionais de saúde. O provedor padre Moacir Ramos Nogueira classificou como um momento histórico nos 105 anos de história do hospital, que até então funcionava em dois prédios. (Diário de Caratinga – Caratinga)

COLUNA MG
Rede de Notícias do Sindijori MG
www.sindijorimg.com.br

Veja Mais